Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
lqes news
novidades de C&T&I e do LQES

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

2004

2003

2002

2001

LQES News anteriores

em foco

hot temas

 

NOVIDADES em C&T&I e do LQES

Remediação de efluentes de indústrias de nanotubos de carbono.

Pesquisadores do LQES - Laboratório de Química do Estado Sólido, propõem um método que antecipa a solução de um problema latente. (Leia nota)

Engenheiros criam uma fibra de alta resistência, superior ao Kevlar.

A novidade foi apresentada por pesquisadores da Universidade Northwestern (EUA) e tem como base os nanotubos de carbono. (Leia nota)

Nanovacinas.

Rússia aposta forte nas nanotecnologias associadas às vacinas comerciais. (Leia nota)

Grafeno instaura polêmica sobre a atribuição do Nobel de Física.

Pesquisador americano "rasga o verbo", fazendo uma série de críticas. (Leia nota)

Nanofios de arseneto de gálio.

Nanos e ultrapuros : esses fios têm um potencial incrível. (Leia nota)

LQES lança o canal LQEScience.

Residente no YouTube, o canal será usado para veicular vídeos e imagens decorrentes das pesquisas em desenvolvimento no LQES. (Leia nota)

ABDI lança Cartilha sobre Nanotecnologia.

A autoria é de Oswaldo Luiz Alves, Coordenador Científico do LQES. (Leia nota)

Supercapacitores ideais : nanotubos de carbono de parede simples.

Demonstrado em laboratório o potencial de nanotubos de carbono de parede simples para construção de supercapacitores ideais. (Leia nota)

Rede Nacional de Pesquisa em Nanotubos de Carbono realizou seu 5º Encontro.

Três dias de intensas discussões marcaram o evento que encerrou o primeiro ciclo da Rede. (Leia nota)

Nanopartículas de carbono contra bactérias.

Pesquisadores russos estudaram a ação bactericida das nanopartículas de carbono e chegaram a importantes conclusões sobre o potencial destes materiais. (Leia nota)

Transformação do dióxido de carbono : matéria-prima para indústrias químicas e farmacêuticas.

Pesquisadores de Cingapura pavimentam outra via para a química verde. (Leia nota)

Gás de efeito estufa : níveis recorde em 2009 !

A Organização Meteorológica Mundial chama atenção para o crescimento do teor de metano, dióxido de carbono e óxido nitroso na atmosfera. (Leia nota)

Prêmio Nobel de Química de 2010 : exaltação à síntese de moléculas orgânicas.

Richard F. Heck, Ei-ichi Negishi e Akira Suzuki acabam de ser agraciados por terem desenvolvido um conjunto de reações químicas para a síntese de moléculas orgânicas complexas, hoje utilizado mundialmente. (Leia nota)

"Material maravilha" é pouco para o grafeno !

Duas grandes novidades : a "straintrônica" e o "grafeno branco" ! (Leia nota)

Isobuteno biológico.

A empresa francesa Global Bioenergies anunciou protótipo de fabricação do alceno usando cepa bacteriana. (Leia nota)

Átomo neutro isolado é fotografado pela primeira vez.

Átomos de rubídio 85, aprisionados e resfriados com a ajuda de uma armadilha magneto-óptica e de um laser, "deram a dica" que isto seria possível. (Leia nota)

Supercondensadores : grafeno comparece e ganha a corrida.

Intermediários entre os condensadores clássicos e as baterias, os supercondensadores têm aplicações na eletrônica de potência. (Leia nota)

Recent Patents on Nanotechnology cria editoria para América Latina.

Periódico editado pela Bentham Science Publishers indica Professor Oswaldo Alves, Coordenador Científico do LQES, como Editor. (Leia nota)

Número de pedidos de patente bate recorde em 2010.

Até o final do ano, o INPI deve registrar 27 mil pedidos de concessão de patentes. (Leia nota)

Nanotubos de carbono esbanjam solidez !

Problemas tecnológicos que necessitam de propriedades térmicas, elétricas e mecânicas excepcionais ? Os nanotubos de carbono dizem a que vieram. (Leia nota)

Pesquisadores russos melhoram consideravelmente a estrutura das soldas.

Arregaçam as mangas e respondem à pergunta : é possível conseguir uma maior solidez das soldagens não diminuindo a [solidez] do material de base ? (Leia nota)

Uma pistola de pintura... e você estará pronto para a festa !

Use sua criatividade e se transforme num designer de moda, produzindo roupas personalizadíssimas para você e... quem mais encomendar. (Leia nota)

NanoMickey, outra vez . Agora em vídeo !

Famoso personagem surgido em experimento realizado no LQES é a estrela que abre a série de vídeos LQEScience. (Leia nota)

Mecanismos cerebrais e Internet.

Organização do cérebro humano lembra rede de Internet. (Leia nota)

2050 : alimento artificial ou... nada !

A sorte parece estar lançada, mas, não queremos pagar para ver ! Alimento artificial seria a solução ? (Leia nota)

Escova de dente "solar", sem creme dental !

É isso mesmo : nova escova dá um salto rumo a dentes saudáveis e brancos. (Leia nota)

Pesquisadores americanos apresentam os painéis solares autolimpantes.

A tecnologia desenvolvida para as missões espaciais rumo a Marte poderia melhorar, enormemente, a performance dos sistemas de energia solar sobre a Terra. (Leia nota)

Nanotecnologia versus água insalubre, resultado : água potável !

Saquinho cheio de nanopartículas, barato, permite acesso à água potável. (Leia nota)

Feliz Aniversário, Mudança Climática !

Trabalho pioneiro de Wally Broeker completa 35 anos. (Leia nota)

A estória se repete : de veneno a medicamento !

Vem do mar uma nova molécula antidor. (Leia nota)

Quem diria ? Bolas de futebol no espaço !

Na verdade, são fulerenos - emblemáticas moléculas com forma de bolas de futebol. (Leia nota)

Microscópio óptico : "voyeur" de moléculas ?

Isso mesmo : a novidade vem do Grupo do Professor Steven Chu e abre perspectivas excepcionais que podem mudar a bancada do químico. (Leia nota)

Edital de Subvenção 2010 amplia o acesso de empresas.

Para o diretor-geral da PROTEC, Roberto Nicolsky, mudanças positivas no documento favorecem a participação de empresas produtivas e com foco no mercado. (Leia nota)

Peripécias da Jabulani !

Senhora de trajetórias mirabolantes, imprevisíveis e incontroláveis, a Jabulani - parece -, ter alguns de seus segredos revelados. Será ? (Leia nota)

Maré negra : natureza agonizante deplora o ataque brutal !

As drásticas repercussões sobre o equilíbrio do ecossistema e da saúde humana não podem ser "apagadas" apenas com a colocação de uma "tampa" ou... (Leia nota)

Nanopartículas : quanto mais conhecimento sobre elas, melhor !

As consequências das nanopartículas sobre o ambiente e a saúde humana são alvos de estudos acurados. Detectores estão sendo desenvolvidos. (Leia nota)

O rendimento das células fotovoltaicas de silício amorfo passa a 10%.

As células solares fotovoltaicas estão divididas em dois tipos: aquelas de silício cristalino, muito performantes, porém mais caras; e as amorfas, menos eficazes, mas, em contrapartida, mais baratas, mais finas e mais flexíveis. (Leia nota)

Um ponto a mais na física dos nanotubos de carbono.

Efeito Aharonov-Bohm permitiu explicar a variação da condutância de nanotubos de carbono de paredes simples quando imersos em um campo magnético. (Leia nota)

Translocação do DNA através de nanoporos no grafeno.

Estudo revela a potencialidade do grafeno nanoporoso para aplicações em genômica. (Leia nota)

Confirmada a existência do elemento químico 114.

Equipe internacional sintetiza e caracteriza o elemento mais pesado conhecido. (Leia nota)

Um alerta : emissões de CO2 podem crescer 43% até 2035.

Agência Americana de Informação em Energia (EIA) prediz que este valor poderá ser alcançado se a redução não fizer parte de um acordo internacional. (Leia nota)

Um transistor quântico de apenas um átomo.

Pesquisadores do Instituto Max Planck de Óptica Quântica, de Garching (Bavária, Alemanha) criaram um transistor quântico, utilizando um único átomo no interior de uma cavidade óptica. (Leia nota)

"Anticorpos" de plástico testados em ratos.

Nanopartículas poliméricas conseguiram neutralizar veneno de abelha. (Leia nota)

Grafeno surpreende mais uma vez ! Novidade : a aplicação em nanocompósitos de alto desempenho.

Material tem potencial para substituir as fibras de carbono em materiais de alto desempenho, usados na construção de aeronaves. (Leia nota)

Produção de Li@C60 já pode ser feita em quantidades industriais.

A novidade vem do Japão e contou com os esforços de vários laboratórios e empresas.. (Leia nota)

Atrás de um plástico mais "verde" !

Pesquisadores do Laboratório Nacional de Argonne (EUA) propõem uma nova maneira de fazer o óxido de propileno. (Leia nota)

Fusão nuclear por confinamento magnético.

Para ajudar a resolver o problema mundial da escassez de energia, novos métodos de geração começam a ser avaliados. (Leia nota)

Fazer chover usando lasers ?

Pesquisadores europeus acreditam ser possível e apostam nos lasers de femtosegundos. (Leia nota)

Sensor revela diabete através do hálito.

A novidade vem da Escola Politécnica Federal de Zurique (EPFZ). (Leia nota)

Células solares impressas em papel.

Desenvolvimento abre novas possibilidades para a produção de painéis solares. (Leia nota)

Alguns segredos de fabricação dos fios pelas aranhas são revelados.

Os "achados" permitem desenvolver fios artificiais, utilizando a tecnologia de microssistemas. (Leia nota)

Água elástica.

Substância gelatinosa, composta de água, argila e pequena quantidade de material orgânico. (Leia nota)

Microtubos de silício com duplas hélices.

Equipe da Universidade de Tohoku, Sendai (Japão), conseguiu criar um microtubo de silício, com forma de trança. (Leia nota)

Volkswagen lança sua bicicleta elétrica dobrável. Seu nome ? "Bik.e" !

Empresa alemã diversifica seus produtos e entra no ramo das bikes. (Leia nota)

Novas funcionalidades, graças às nanopartículas de ouro.

Pesquisadores australianos abrem perspectivas para a aplicação destas partículas em vários produtos do dia a dia. (Leia nota)

O livro eletrônico chegou para ficar ! 2010, efetivamente, consolida isto.

Uma revolução está em marcha (a-ce-le-ra-da) ! Milhares de obras digitais já podem ser encontradas. (Leia nota)

Síntese de nanotubos de carbono de um único tipo.

Pesquisadores da Universidade Rice usaram ultracentrifugação para obter amostras de nanotubos de carbono contendo apenas um tipo de nanotubo. (Leia nota)

Supercondutividade : cabo de média tensão estabelece novo recorde.

Especialista francesa em supercondutores, a Nexans finalizou com sucesso o projeto Endesa Supercable, estabelecendo um novo recorde mundial. (Leia nota)

Células solares se tornam mais acessíveis com o uso do "silício negro".

Tratamento químico simples poderia substituir os custosos revestimentos antirreflexivos das células solares e, assim, fazer baixar o custo dos painéis solares de silício cristalino. (Leia nota)

O disquete chega ao fim...

A Sony, trinta anos após ter inventado o disquete, anuncia uma decisão histórica : no final do mês de março de 2011, suas fábricas deixarão de fabricar disquetes de 3,5 polegadas. (Leia nota)

Célula solar à base de grafeno, cada vez mais próxima da realidade.

O ponto chave desta proeza é o controle da uniformidade do tamanho e da dispersão das folhas de grafeno. (Leia nota)

Cura da cegueira : terapia genética restaura visão em camundongos.

Compreensão da evolução, da genética e da nanotecnologia pode levar a resultados excepcionais. (Leia nota)

Nanopartículas podem proteger contra radiação.

As nanopartículas de melanina podem proteger a medula óssea dos efeitos nocivos da radioterapia. (Leia nota)

Grafeno para resfriar computadores ?

Pesquisadores americanos e franceses conseguiram melhorar a dissipação de calor nos componentes eletrônicos usando este material. (Leia nota)

Turbina marinha na Amazônia.

Empresa escocesa testa dispositivo concebido para captar energia em rios de fluxo lento. (Leia nota)

Nanotubos de carbono ionizam individualmente átomos ultrafrios.

Pesquisadores da Universidade de Harvard (EUA) observaram a captura e ionização de átomos individuais perto da parede lateral de um único nanotubo. (Leia nota)

Nanotecnologia : uma revolução em marcha.

A National Science Foundation, dos Estados Unidos, prediz que, em 2015, a nanotecnologia produzirá a metade da gama de produtos farmacêuticos. (Leia nota)

Imitando os processos naturais do corpo humano.

A nanotecnologia é usada para descobrir um meio de imitar os processos fisiológicos naturais do organismo, notadamente a criação de vasos sanguíneos. (Leia nota)

Nanotecnologia chega à casa dos consumidores brasileiros.

Empresas como Biolab, Natura e Embrapa investem em inovação no setor e patenteiam novas tecnologias. Aplicações vão de cosméticos a roupas, passando por equipamentos esportivos. (Leia nota)

Mais de 18.000 acessos : Top 10 Most Accessed Article !

Trabalho de autores brasileiros publicado na revista Journal of Nanobiotechnology (Open Acess) envolveu a produção de nanopartículas de prata usando fungos. (Leia nota)

Mais uma proeza do grafeno : gerador de Lasers ultrarrápidos de banda larga.

O desenvolvimento foi feito por pesquisadores da Universidade de Cambridge (Reino Unido) e do CNRS (França). (Leia nota)

Uma nova rede de comunicação : o corpo humano.

Pesquisadores da Universidade de Seul (Coréia do Sul) transmitem informações de um captador a outro via sinais gerados na pele. (Leia nota)

A bactéria é anaeróbica, mas produz oxigênio.

Pesquisadores franceses do CEA conseguiram verificar a produção endógena de oxigênio. (Leia nota)

O saser, laser sônico, já é realidade !

Da combinação das idéias de fônon e fóton pesquisadores chegam aos primeiros lasers sônicos. (Leia nota)

Empresa inova com cosméticos à base de óleo de avestruz.

Aberta após dois anos de pesquisa, a Ostrich Cold Cream lança linha de produtos naturais. (Leia nota)

Combustíveis limpos ? Experimente casca de laranja e jornal velho !

Restos do quotidiano, como cascas de laranja e jornal velho, podem resultar no biocombustível etanol. (Leia nota)

Já é possível - e viável - plantar árvores no deserto !

Testes de plantação de árvores no deserto do Marrocos atestam : a taxa de sobrevivência das árvores é de 88,2%. (Leia nota)

Andando de bicicleta sem pedalar ?

Sim, graças à bicicleta elétrica, sem bateria, alimentada por uma pilha a combustível ! (Leia nota)

4ª CNCTI irá debater os rumos da inovação no País.

Conferência é boa oportunidade para que Governo e empresários, entre outros, façam balanço do quadro atual da inovação no Brasil e discutam uma política de Estado para os próximos anos. (Leia nota)

Bactérias intestinais revelam segredos genéticos.

Hóspedes do intestino humano, bactérias comportam 150 vezes mais genes que o genoma humano. (Leia nota)

Cientistas testam a teoria de espalhamento Mie para nanopartículas.

Os cálculos são convincentes, mas, é ver para crer ! Esse foi o pensamento que motivou o trabalho de estudantes da Rice University (EUA), que decidiram colocar em teste cálculos realizados mais de um século atrás. (Leia nota)

Mesmo com crise, crescem pedidos brasileiros de patentes no exterior.

Apesar do quadro alentador apontado pelo INPI, a situação precisa melhorar muito. (Leia nota)

Silicone no corpo pode produzir eletricidade...

Pesquisadores americanos associam o polímero a uma cerâmica piezoelétrica e, com isso, ganham flexibilidade e geração de eletricidade. (Leia nota)

A pintura solar pode estar chegando !

Sua parede será pintada e, ao mesmo tempo, custos ligados à energia serão reduzidos ! É possível ? (Leia nota)

Transistor pode imitar uma sinapse.

Um transistor "de memória" oferece nova pista para construção de uma calculadora inspirada no funcionamento do cérebro. (Leia nota)

Menor sensor solar do mundo mede 9 mm3 !

Pesquisadores da Universidade de Michigan desenvolveram o menor sensor do mundo, alimentado a energia solar, capaz de funcionar quase sem interrupção. (Leia nota)

Célula solar eficiente e econômica : nova proposta da IBM.

Pesquisadores da IBM aumentaram a eficiência de novo tipo de célula solar, constituída de mais de 40% de materiais baratos e não raros. (Leia nota)

Nanocatalisadores : mais "verde" a fabricação de produtos químicos.

A idéia é reduzir o uso de metais pesados, custosos e tóxicos. (Leia nota)

Apareceu o Mickey.

Revista Pesquisa Fapesp de fevereiro destaca pesquisas com nanoestruturas realizadas no LQES. (Leia nota)

O grafeno bate mais um recorde : surge o transistor de 100 GHz.

O feito foi realizado por pesquisadores americanos ligados à IBM. (Leia nota)

Sobre sangue, café, óleo e... coletes à prova de bala.

Oswaldo Alves comenta para Ciência Hoje artigo publicado na conceituada revista Physical Review Letters. (Leia nota)

Cargas elétricas e super-resfriamento da água : uma influência enigmática.

Pesquisadores do Instituto Weizmann, de Israel, mostraram que, dependendo da natureza da carga, o ponto de super-resfriamento da água pode mudar. (Leia nota)

Reservas de lítio : até 2050, parecem garantidas !

Estudos realizados pelo Instituto Fraunhofer indicam que sim, estarão garantidas. Contudo, há preocupação com aspectos geopolíticos e ambientais. (Leia nota)

Cientistas destroem, com "nanobolhas", células cancerígenas.

Pesquisadores russos e americanos desenvolveram metodologia que permite fazer o diagnóstico e o tratamento simultaneamente. (Leia nota)

Novamente, um transistor do tamanho de uma molécula.

Equipe americano-coreana conseguiu controlar a passagem de elétrons. Vida mais longa para a Lei de Moore ? (Leia nota)

A reinvenção da roda. O MIT está nessa !

Por ocasião da Cop 15 - Copenhague 2009, o famoso MIT (Massachusetts Institute of Tecnology), EUA, apresentou uma roda de bicicleta que desempenha as funções de um verdadeiro "canivete suíço". (Leia nota)

Pele artificial criada em laboratório.

Pesquisadores espanhóis conseguiram gerar pele humana artificial, com propriedades biomecânicas, empregando engenharia tecidual. (Leia nota)

Hidrogênio e platina, apenas bons amigos.

Está chegando ao fim o "casamento" da platina com o hidrogênio ? (Leia nota)

Detecção de toxinas em água ? Use um econômico sensor de papel !

Cientistas fazem uso de nanotecnologia para converter papel em um sensor que pode detectar toxinas na água potável. (Leia nota)

Coca-Cola adota garrafa feita de plástico de cana-de-açúcar.

Garrafa com material derivado da cana-de-açúcar é a primeira geração da garrafa do futuro. Análises mostram que a embalagem deixa uma pegada de carbono menor que as de plástico usadas atualmente. (Leia nota)



 © 2001-2017 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco