Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
publicações
livros

artigos de capa

trabalhos publicados em revistas

teses

patentes lqes

trabalhos publicados em congressos

comunicações internacionais

comunicações nacionais

dossier lqes

bases de publicação

 

DOSSIER LQES



Vidros Especiais no LQES.
Dossier do LQES documenta pesquisas e desenvolvimentos feitos na produção, caracterização e propriedades de vidros especiais, envolvendo metais pesados, visando seu uso em óptica não-linear, fotônica e comunicações ópticas.


++++++++++++++++++++++++++++++
Nanopartículas de Prata e derivados no LQES.

Dossier do LQES documenta pesquisas e desenvolvimentos feitos com nanopartículas de prata (AgNPs) envolvendo a produção, caracterização avançada, toxicologia, ecotoxicologia e aplicações como antibacterianos, tintas e resinas odontológicas.


++++++++++++++++++++++++++++++
Nanotubos de carbono no LQES.
Dossier do LQES documenta pesquisas e desenvolvimentos feitos com nanotubos de carbono envolvendo purificação, funcionalização, toxicologia, ecotoxicologia e síntese de nanocompósitos.

O Laboratório de Química do Estado Sólido do Instituto de Química da Unicamp vem trabalhando desde 2003 com nanotubos de carbono. Vários aspectos estão sendo contemplados. Dentre eles, citamos: purificação, funcionalização, caracterização avançada, toxicologia, ecotoxicologia, genotoxicologia, produção de compósitos e aplicações.

Estes estudos têm sido realizados via uma extensa e competente rede de colaborações, envolvendo químicos, físicos, biólogos, médicos e oceanógrafos visando, não só o aprofundamento do conhecimento destes nanomateriais, como também, o desenvolvimento de tecnologias aplicáveis.

Apresentamos, abaixo, a produção científica, patentes e impactos da pesquisa em andamento.

+++++++++++++++++++++++++++++++
Óxido de grafeno e derivados no LQES.
Dossier do LQES documenta pesquisas e desenvolvimentos feitos com óxido de grafeno (GO) envolvendo a produção, purificação, funcionalização, toxicologia, ecotoxicologia síntese de nanocompósitos e aplicações em embalagens, filtros e drug delivery.

Óxido de Grafeno e Derivados no LQES

Oswaldo Luiz Alves


O Laboratório de Química do Estado Sólido do Instituto de Química da Unicamp vem trabalhando desde 2010 com óxido de grafeno e seus derivados. Vários aspectos estão sendo contemplados nos estudos. Dentre eles, citamos: preparação do óxido de grafeno (GO), purificação, caracterização avançada, toxicologia, nanocompósitos com nanopartículas de prata (AgNps), filmes e membranas, aplicações em materiais para embalagem, filtros antibacterícidas, sistemas de "drug delivery", desenvolvimento de plataforma para explorar a biocompatibilidade do GO.

Estes estudos têm sido realizados via uma extensa e competente rede de colaborações, envolvendo químicos, físicos, biólogos, médicos visando, não só o aprofundamento do conhecimento destes nanomateriais, como também, o desenvolvimento de tecnologias aplicáveis a problemas reais.

Apresentamos, abaixo, a produção científica, patentes e impactos da pesquisa em andamento.

++++++++++++++++++

Nanopartículas e interação com biossistemas.
Dossier de pesquisas realizadas no LQES com nanopartículas de sílica mesoporosas mostra desde a síntese e funcionalização, passando pela aplicação em drug delivery de drogas antitumorais, até o impacto da divulgação pública dos resultados.

Nanopartículas Mesoporosas de Sílica no LQES : síntese, propriedades e aplicações
Óxido de Grafeno e Derivados no LQES

O Laboratório de Química do Estado Sólido do Instituto de Química da Unicamp vem trabalhando desde 2010 com óxido de grafeno e seus derivados. Vários aspectos estão sendo contemplados nos estudos. Dentre eles, citamos: preparação do óxido de grafeno (GO), purificação, caracterização avançada, toxicologia, nanocompósitos com nanopartículas de prata (AgNps), filmes e membranas, aplicações em materiais para embalagem, filtros antibacterícidas, sistemas de "drug delivery", desenvolvimento de plataforma para explorar a biocompatibilidade do GO.

Estes estudos têm sido realizados via uma extensa e competente rede de colaborações, envolvendo químicos, físicos, biólogos, médicos visando, não só o aprofundamento do conhecimento destes nanomateriais, como também, o desenvolvimento de tecnologias aplicáveis a problemas reais.

Apresentamos, abaixo, a produção científica, patentes e impactos da pesquisa em andamento.

 © 2001-2018 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco