Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
lqes news
novidades de C&T&I e do LQES

2019

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

2004

2003

2002

2001

LQES News anteriores

em foco

hot temas

 
NOVIDADES

Science e Nature são "promovidas" : de pedras passam a vidraças.

Duas das maiores revistas de publicações científicas, a americana Science e a inglesa Nature, agora, sob críticas pesadas, mudam de posição: de pedras passam a vidraças. Estão sendo questionadas as relações entre trabalhos de pesquisadores e interesses financeiros.

Personalidades do mundo da ciência e do mundo editorial, em número de 32 pessoas, entre elas o antigo editor do New England of Medicine, assinaram uma carta denunciando a ausência de menção a tais relações, não nos artigos e, sim, nos comentários e editoriais que permitem aos cientistas expressarem seu ponto de vista sobre um assunto.

Conforme o Center for Science in the Public Interest, de Washington (EUA), um pesquisador do Danforth Plant Science Center teria publicado um editorial na revista Science, no qual defendia as sementes geneticamente modificadas. Ora, o Danforth Center em questão é sustentado pela Monsanto, gigante da indústria agroalimentar.

Do mesmo modo, um colaborador da edição Nature Neuroscience, encarregado de comentar diferentes tratamentos para desvios mentais revelou deter uma patente sobre uma das moléculas em jogo...

A Science e a Nature foram atingidas em cheio: ouviram (e leram) todas as críticas a seu respeito e assumiram o compromisso de modificar suas políticas editoriais.

LAT, September 02, 2003. (Tradução/Texto - MIA)

<< voltar para novidades

 © 2001-2019 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco