Laboratório de Química do Estado Sólido
 LQES NEWS  portfólio  em pauta | pontos de vista | vivência lqes | lqes cultural | lqes responde 
 o laboratório | projetos e pesquisa | bibliotecas lqes | publicações e teses | serviços técno-científicos | alunos e alumni 

LQES
lqes news
novidades de C&T&I e do LQES

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

2004

2003

2002

2001

LQES News anteriores

em foco

hot temas

 
NOVIDADES em C&T&I e do LQES

Livro apresenta visão abrangente e aprofundada da nanotoxicologia..

A obra foi escrita por 54 pesquisadores, sob a coordenação da Rede Brasileira de Nanotoxicologia CigeNanotox e teve lançamento mundial em novembro de 2013. (Leia nota)

Fórum Mundial de Ciência pede mais ética e contato com a sociedade.

Conheça os principais pontos do Relatório Final. (Leia nota)

Nanoteranóstica inteligente para câncer.

Pesquisas com nanopartículas, em nanomedicina, vêm apresentando possíveis soluções para diagnóstico e tratamento da doença. (Leia nota)

Serão as nanopartículas as pílulas do futuro ?.

Pesquisadores americanos desenvolvem nanopartículas que podem atravessar diferentes barreiras biológicas. (Leia nota)

Novo polímero que se autorregenera !

Chame este material como quiser : o que importa é que ele tem uma capacidade de regeneração sim-ples-men-te excepcional ! (Leia nota)

Baterias de grafeno podem "turbinar" seu smartphone.

Pesquisadores da Vanderbilt University pavimentam essa grande estrada. (Leia nota)

LQES deposita segunda patente envolvendo grafeno.

Nanocompósito envolvendo celofane e óxido de grafeno decorado com nanopartículas de prata cria material multifuncional. (Leia nota)

Uma carona indesejada.

Nanopartículas podem transportar moléculas intrusas para o interior das células. Portal da Revista Pesquisa Fapesp destaca trabalho realizado no LQES. (Leia nota)

Captura do carbono : um novo e importante passo...

Grupo de cientistas da Universidade de Hanyang conseguiu a proeza de desenvolver membrana capaz de confinar o dióxido de carbono a um preço significativamente mais baixo do que as tecnologias até então existentes. (Leia nota)

Nanopartículas de prata : mais novidades !

Pesquisador canadense extrai as nanopartículas de águas servidas, utilizando organismos unicelulares. (Leia nota)

Diagnóstico precoce graças às nanosciências.

Associação de nanomateriais e amostras biológicas abrem novas possibilidades. (Leia nota)

Seria de grafeno o carro do futuro ?

Para atingir seus objetivos de baixo consumo, os fabricantes de automóveis não podem contar apenas com os progressos da motorização. (Leia nota)

Influência do efeito "Protein Corona" no transporte de moléculas para o interior de células.

Pesquisa coordenada pelo LQES aponta para novas possibilidades de nanopartículas mesoporosas de sílica em terapias contra câncer. (Leia nota)

A toxicidade das nanopartículas nos produtos de consumo estaria sendo subestimada ?.

Pelo sim, pelo não..., há necessidade de estudos visando às reações das nanopartículas com as bactérias, e não apenas com a concentração das mesmas. (Leia nota)

Ligação hidrogênio observada ao microscópio de força atômica..

Pesquisadores chineses conseguem este grande feito. Muita informação nova vem por aí. (Leia nota)

Edições de acesso livre.

A revista Science denuncia um verdadeiro "Far West". (Leia nota)

Prêmio Nobel de Química 2013.

A modelagem molecular no lugar de honra. (Leia nota)

MCTI lança a Iniciativa Brasileira em Nanotecnologia (IBN)..

Unicamp terá dois laboratórios associados ao Sistema de Laboratórios de Nanotecnologia que faz parte da IBN. (Leia nota)

Os ambiciosos desafios para o futuro da medicina.

DNA, nanotecnologias, implantes cerebrais : os progressos da tecnologia a serviço da medicina parecem ilimitados, mas, eticamente... (Leia nota)

O grafeno já não é o material mais resistente do mundo. .

O supermaterial - conhecido como o mais resistente do mundo -, talvez acabe de ser destronado. (Leia nota)

Vidraça inteligente que controla o fluxo de luz e de calor.

Misturando nanopartículas a um vidro especial, pesquisadores fabricaram um vidraça, capaz de bloquear o calor do sol, deixando passar sua luz. (Leia nota)

Nanopartículas de ouro contra o câncer de próstata..

Pesquisadores canadenses fazem uso de nanopartículas de ouro radiativas. (Leia nota)

O Brasil na inovação global.

"É preciso um parque industrial forte e capaz de absorver as novas tecnologias, transformando-as em produtos com alto valor agregado", afirma o Professor Waldir L. Roque, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. (Leia nota)

Ciência & Cultura : número temático sobre as nanotecnologias. !

Revista da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) aborda questões ligadas ao nanomundo. (Leia nota)

Nova geração de sistemas fotovoltaicos à base de grafeno.

Grupo de cientistas da Universidade Nacional de Singapura e da Universidade de Manchester desenvolve nova geração de painéis solares, à base de grafeno, que permite melhores performances e uma vida mais longa. (Leia nota)

Nanotecnologias de ponta para diagnosticar o câncer.

Pela primeira vez, estamos vendo a utilização de fiação elétrica, de alta performance, feita com nanotubos de carbono. Nestes casos, tradicionalmente, eram usados fios de cobre. (Leia nota)

Nanotubos de carbono, fontes de luz para as fibras ópticas.

As fontes de luz infravermelho das fibras ópticas são fabricadas com materiais à base de metais, como o índio. Seria um grande progresso se dispor de fontes equivalentes, de materiais mais abundantes. Pesquisadores acabam de dar um passo nesta direção, utilizando nanotubos de carbono nos quais excitons podem se recombinar dando fótons infravermelhos. (Leia nota)

Ácido hialurônico : pouco eficaz para tratamento de artrose do joelho.!

O ácido hialurônico, frequentemente usado para tratar a artrose do joelho, seria pouco eficaz e potencialmente perigoso. Conclusão de um estudo comparativo de vários trabalhos sobre o assunto. (Leia nota)

Impressão 3D reinicia corrida para miniaturização eletrônica.

Pesquisadores americanos obtêm microbateria, via técnica de impressão 3D. (Leia nota)

Projeto de lei cria rotulagem de nanomateriais.

De acordo com a proposta, rótulos devem trazer um símbolo que identifique a presença de produto ou processo nanotecnológico. (Leia nota)

Telefones celulares : pode-se, doravante, carregá-los com urina !

Fonte inesgotável, a urina permite, doravante, produzir eletricidade. (Leia nota)

Fiação elétrica com nanotubos de carbono.

Pela primeira vez, estamos vendo a utilização de fiação elétrica, de alta performance, feita com nanotubos de carbono. Nestes casos, tradicionalmente, eram usados fios de cobre. (Leia nota)

Pilha bacteriana.

Nova via para a produção de hidrogênio biológico. (Leia nota)

MCTI prepara iniciativas em rede para alavancar estudos em áreas estratégicas.

Iniciativa Brasileira de Nanotecnologia (IBN) mobilizará 26 laboratórios, universidades, institutos nacionais de ciência e tecnologia (INCTs) e empresas em áreas estratégicas. (Leia nota)

Edital SENAI SESI tem R$ 30,5 milhões para projetos inovadores.

Financiamento para projetos inovadores de indústrias que pretendem desenvolver produtos, processos ou serviços. (Leia nota)

Empresas recorrem a universidades para lançar produtos.

Parceria começa a dar bons frutos... (Leia nota)

Um fototransistor à base de grafeno e... de clorofila.

Graças à pesquisas em fotossíntese artificial, cientistas descobriram fato promissor : propriedades inesperadas de um fototransmissor, constituído de grafeno e de clorofila. (Leia nota)

Vacinação : nanobastões de ouro contra o vírus sincicial respiratório.

Nanobastões de ouro, revestidos com proteínas, desencadeiam resposta imunológica. (Leia nota)

Nano-tecnologias para a saúde : área preparada para ficar muito bem na cena !

A Internet oferece numerosíssimas possibilidades de inovação - especialmente no setor de objetos conectados e da saúde - permitindo, assim, a muitos países, inovar cada vez mais. (Leia nota)

A forma das nanopartículas influencia na sua eficácia e desempenho.

Partículas em forma de hastes alongadas são preferíveis às esferas para "entregar" quimioterapia em nível dos vasos sanguíneos irrigando os tumores. (Leia nota)

Fusão de dois laboratórios do IQ faz surgir o Nanobioss.

Matéria do Jornal Unicamp apresenta nova "facility", criada no Instituto de Química da Unicamp. (Leia nota)

Pesquisa em saúde terá investimento de R$ 13 bilhões em quatro anos.

Financiamento do Ministério da Saúde abre excelentes perspectivas e possibilidades para a geração de conhecimento novo.(Leia nota)

Transformando um smartphone em espectrofotômetro.

Em breve, médicos e pesquisadores poderão utilizar seus smartphones, transformados em espectrofotômetros de alta definição, para detectar ameaças bacteriológicas. (Leia nota)

Em vinte anos, os nanotubos não conseguiram encontrar o caminho da industrialização.

As promessas ligadas às aplicações industriais dos nanotubos de carbono acabam de sofrer um duro golpe : a Bayer "jogou a toalha" ! (Leia nota)

Grafeno : rumo a sensores fotográficos 1000 vezes mais sensíveis à luz.

E se as máquinas fotográficas de amanhã puderem dispensar totalmente o flash ? Isto é o que promete um novo sensor à base de grafeno. (Leia nota)

Ampère : talvez redefinido graças ao grafeno. ?

O grafeno acaba de permitir que se fabrique uma fonte que gera um elétron por vez. Em última análise, isto poderá revelar uma evolução, no tempo, da constante de Planck. (Leia nota)

Um material que muda de cor quando esticado.

Esferas de cristais fotônicos são responsáveis por este efeito. (Leia nota)

Visualizando o interior de uma molécula, usando luz.

Pesquisadores usam luz para mapear, com resolução espacial nanométrica, uma única molécula. (Leia nota)

Nanotoxicologia Ambiental : interação de nanoestruturas com microrganismos aquáticos.

Revista Environmental Toxicology and Chemistry destaca (capa) trabalho realizado por pesquisadores da Unicamp. (Leia nota)

Diabetes : uma rede inteligente de nanopartículas para tratar a doença.

Pesquisadores americanos conseguiram desenvolver um sistema de nanopartículas capaz de regular a taxa de glicemia (açúcar) no sangue liberando insulina para diabéticos. (Leia nota)

Clusters de nanopartículas de ouro para melhorar os sensores SERS ?

Utilizar clusters de nanopartículas de ouro para aumentar a performance de certos instrumentos de medida de alta precisão (os sensores SERS) poderá ser uma idéia particularmente interessante e economicamente viável. (Leia nota)

Grafeno branco contra maré negra.

O "grafeno branco", um novo material, soberano contra a maré negra ? É o que afirmam pesquisadores que testaram as propriedades despoluentes do nitreto de boro. (Leia nota)

Micróbios modificados podem se desenvolver no escuro.

Cientistas da Universidade da Califórnia, em Davis (EUA), modificaram geneticamente uma cepa de cianobactéria fotossintética capaz de se desenvolver sem necessidade de luz. (Leia nota)

Abiquim diz que é possível chegar a 90% da capacidade.

Presidente da Associação Brasileira da Indústria Química está otimista para 2013. (Leia nota)

Nanotubos e chumbo : combinação fatal.

O número de maio da Revista Pesquisa Fapesp destaca trabalho realizado pelo LQES e Instituto de Pesca do Estado de São Paulo. (Leia nota)

Bayer para de fabricar nanotubos de carbono.

A empresa alemã Bayer anunciou o fechamento de sua fábrica de nanotubos de carbono, em comunicado de 8 de maio de 2013. (Leia nota)

Nanotecnologia : solução do futuro para a construção.

O objetivo das pesquisas continua sendo o mesmo : a sustentabilidade. Estudos recentes estão interessados especialmente na nanotecnologia aplicada à construção. (Leia nota)

Eletrônica : seria o germanano concorrente do grafeno ?

O grafeno é muitas vezes apresentado como o material miraculoso da eletrônica do futuro, que assegurará a perenidade da Lei de Moore. Contudo, os semicondutores clássicos não deram sua última palavra, como prova um trabalho recente sobre o germanano. (Leia nota)

Pesquisadores conseguem finalmente controlar a quiralidade de nanotubos de carbono.

Um dos interesses no campo de pesquisa de nanotubos de carbono consiste em sintetizar nanotubos de carbono de parede simples (SWNTS - Single-walled carbon nanotubes), com quiralidades controladas. (Leia nota)

Filme no qual o átomo é a estrela.

Usando um microscópio de tunelamento, pesquisadores da IBM fizeram um nanofilme com nanopersonagens ! (Leia nota)

Nanocompósito de i-papel e nanotubos de carbono para aplicação em remediação ambiental é desenvolvido no LQES.

Pesquisa original é resultado da quadragésima tese realizada no laboratório. (Leia nota)

Gripe e bactérias : combinação mortal !

Quando a gripe "se aproxima", todo o cuidado com as bactérias é pouco ! Estudo revela que a principal causa de mortalidade em casos de gripe é a infecção bacteriana. O vírus iria diminuir a ação do sistema imunológico e favorecer o desenvolvimento de organismos patogênicos. (Leia nota)

Novo método para captura de metano.

Cientistas do Lawrence Livermore National Laboratory (LLNL) e da Universidade da Califórnia, Berkeley (EUA) desenvolveram um novo método de captura do metano, o segundo gás de efeito estufa mais importante, emitido pelo homem na atmosfera. (Leia nota)

Bateria e supercapacitor em um único sistema.

Pesquisadores da Universidade de Illinois (EUA) desenvolveram um novo tipo de bateria, que associa as vantagens das baterias de alta potência e supercapacitores. (Leia nota)

Nanocristais de molibdênio para substituir os transistores.

A indústria eletrônica prevê reduzir o tamanho dos transistores de 6 nanômetros, daqui a 2020. Mas, para ir além, buscando a miniaturização, os cientistas exploram outras vias tecnológicas. (Leia nota)

Pesquisadores britânicos desenvolvem dispositivo fotoelétrico inteligente e transparente.

Pesquisadores da Universidade de Exeter desenvolveram um novo dispositivo fotoelétrico, flexível e transparente, capaz de converter luz em sinais elétricos, fazendo uso de um par de materiais (graphexter e grafeno), recém-descobertos. (Leia nota)

Prata biológica.

Artigo da Revista Pesquisa Fapesp destaca trabalho de pesquisadores do Instituto de Química da Unicamp sobre nanopartículas produzidas a partir de fungos, testadas com sucesso em tecidos antibacterianos e em ferimentos. (Leia nota)

Brasileiros e portugueses desdobram parceria em nanotecnologia.

Missão brasileira vai a Portugal para discutir e fechar acordos de cooperação para o uso do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL), em Braga, por pesquisadores e estudantes brasileiros. (Leia nota)

SBQ homenageia Fernando Galembeck, pela passagem dos seus 70 anos.

Anfiteatro lotado e muita emoção na homenagem ao grande professor e cientista brasileiro. (Leia nota)

Uma bateria que se recarrega tão depressa quanto um supercondensador.

Pesquisador da Universidade de Rice consegue este resultado, associando pentóxido de vanádio com grafeno. (Leia nota)

É possível transformar o CO2 atmosférico em combustível ?

Tal perspectiva poderia não apenas mudar a pegada energética mundial, mas igualmente resolver o problema da eliminação e da reciclagem do CO2, principal gás de efeito estufa responsável pelo aquecimento global. (Leia nota)

Germanano como alternativa ao silício e ao grafeno.

Pesquisadores americanos acabam de encontrar uma alternativa aos materiais da nova geração, tais como o grafeno. (Leia nota)

NanoBioss inicia suas atividades com Workshop.

Laboratório Associado do SisNano (MCTI) está sediado no IQ-Unicamp. (Leia nota)

IBM inventa o transistor líquido.

Tecnologia poderá ser comercializada daqui a 7 anos. (Leia nota)

CO2 : nova matéria-prima para a química fina ?

Pesquisadores americanos das universidades de Yale e Brown desenvolveram uma nova técnica que poderá permitir o uso de CO2 para produzir acrilatos. (Leia nota)

Rumo ao surgimento dos transistores 3D.

Pesquisadores franceses dão um grande passo !(Leia nota)

Bactéria elétrica respira metais !

As bactérias Shewanella oneidensis podem, de acordo com a necessidade, respirar metais em vez de oxigênio, produzindo uma corrente elétrica. (Leia nota)

Teste de fibra óptica do CPqD-Telebras atinge velocidade de 2 terabits/segundo.

Ministro das Comunicações aposta em desenvolvimento da telecom. (Leia nota)

Descoberto o primeiro isolante topológico natural.

Trata-se do mineral Kawazulita, descoberto na República Tcheca, em uma mina de ouro abandonada. (Leia nota)

Transistores de grafeno para a bioeletrônica.

Na Alemanha, pesquisadores acabam de mostrar que transistores de efeito de campo, fabricados com grafeno, poderiam servir de interface com neurônios. Pensam mesmo em poder integrá-los em implantes de retina. (Leia nota)

Nanotubos para explorar o melhor uso da energia osmótica dos estuários.

Você sabe o que é energia osmótica ? É a energia explorável a partir da diferença de salinidade entre a água do mar e a água doce, sendo as duas águas separadas por uma membrana semipermeável. (Leia nota)

Nova forma de energia fotovoltaica utiliza metais nanoestruturados.

Novo método de conversão da energia fotovoltaica, via sol, utilizando metais bem mais comuns que os semicondutores usados nos procedimentos convencionais. (Leia nota)

Veneno de abelha na luta contra a AIDS - é possível, graças às nanopartículas.

Alguns dias após o anúncio da primeira cura aparente de um lactente, eis uma nova boa nova na luta contra o vírus da AIDS. (Leia nota)

Países emergentes quase alcançam G7 em patentes.

Os países do grupo dos Bricks, as cinco maiores economias emergentes do mundo, já têm uma produção científica na mesma escala de grandeza daquela dos países do G7. (Leia nota)

Comitê discute estratégias e políticas para nanotecnologia.

Trazer a nanotecnologia para a agenda do país e possibilitar o desenvolvimento do setor com base em políticas públicas integradas e práticas adequadas. (Leia nota)

Como recarregar um celular com silício e água.

Seu celular, na praia, deixa de funcionar porque a pilha a combustível que o alimenta esgota suas reservas de hidrogênio. Não se preocupe : basta jogar nanopartículas de silício em uma garrafa de água. (Leia nota)

Convenção internacional sobre o mercúrio é adotada.

Restrição ao uso do mercúrio foi adotada pela comunidade internacional, em Genebra (Suíça). (Leia nota)

O meteorito do Ural pesava cerca de 10.000 toneladas.

A Nasa publicou suas conclusões sobre a queda e a explosão de um meteorito em 15 de fevereiro, na Rússia : o corpo devia medir uma quinzena de metros e pesar entre 7.000 e 10.000 toneladas. Os primeiros destroços acabam de ser encontrados. (Leia nota)

Eletrônica sobre carbono : caminho liberado.

Agora é certo: os nanotubos de carbono são chamados para, eventualmente, substituir o silício na eletrônica. Mas antes que isto aconteça, numerosos obstáculos precisam ser transpostos. (Leia nota)

Pesquisadores descobrem bactéria que fabrica ouro.

Bactéria produz nanopartículas de ouro para se desenvolver em soluções tóxicas do metal precioso. (Leia nota)

"Embrapa da indústria" inicia com capital de até R$ 800 milhões.

O governo brasileiro pretende anunciar proximamente a criação da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) - uma nova estatal que nascerá com a missão de fomentar a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico nas indústrias. (Leia nota)

Carteiros notáveis.

Matéria de Carlos Fioravanti, publicada na revista Pesquisa Fapesp, de fevereiro/2013, destaca os esforços de pesquisadores brasileiros no estudo de "carreadores" para fármacos contra câncer. Resultados obtidos no LQES são comentados. (Leia nota)

A caminho de células solares flexíveis de alto rendimento.

Pesquisadores da Universidade de Stanford, coordenados por Xiaolin Zheng, conseguiram desenvolver um novo tipo de célula solar flexível que, daqui a alguns anos, poderá vir a equipar os tetos de nossos automóveis, nossos celulares ou nossos laptops. (Leia nota)

"Escutando" as células : cientistas sondam, com som de alta frequência, células humanas.

Pesquisadores da Universidade de Bordeaux utilizaram ondas sonoras, de alta frequência, como sonda para acessar a rigidez e a viscosidade do núcleo de células humanas. (Leia nota)

"Graphene Flagship" : projeto europeu emblemático e bilionário.

Comissão Europeia lança um dos dois primeiros "FET Flagships" com uma dotação, sem precedentes, de um bilhão de euros, ao longo dos dez próximos anos. (Leia nota)

Molécula orgânica substituiria os chips de silício ?

Pesquisadores americanos e chineses apostam numa alternativa para o silício. (Leia nota)

Pedidos de patentes apresentam crescimento em 2012.

Apesar das incertezas globais, o cenário da inovação permanece em alta no Brasil. (Leia nota)

Óxido de grafeno e suas sutilezas !

Pesquisadores do LQES revelam o importante papel dos debris oxidados, em publicação na revista Chemistry of Materials da American Chemical Society. (Leia nota)

França dá o primeiro passo para a rastreabilidade de nanopartículas.

Desde 1o de janeiro, os fabricantes, importadores e distribuidores de nanopartículas devem declarar à Agência Nacional de Segurança Sanitária as quantidades e os usos destes materiais. (Leia nota)

Gás de xisto : fugas de metano seriam mais importantes que o esperado.

Nos novos projetos de perfuração de jazidas de gás de xisto, cientistas americanos evidenciaram, uma vez mais, a liberação de metano na atmosfera, contestando assim o argumento que este tipo de energia oferece uma alternativa ao carvão, em termos de emissão de gás de efeito estufa. (Leia nota)

Areias betuminosas : boa fonte de hidrocarbonetos, mas, ...poluem !

A areia betuminosa é vista por muitos como uma alternativa às jazidas de petróleo. Um estudo realizado no Canadá - um dos principais produtores -, revela que a poluição se acumula no país. (Leia nota)

Petrobras inicia produção comercial em campo gigante.

Petrobras inicia produção comercial em campo gigante. (Leia nota)

Físicos criam "livro de receitas" para construção de novos materiais.

Partículas injetadas em um meio de cristal líquido podem ser descritas por teoremas matemáticos existentes podendo prever materiais com propriedades até então desconhecidas. (Leia nota)

 © 2001-2017 LQES - lqes@iqm.unicamp.br sobre o lqes | políticas | link o lqes | divulgação | fale conosco